Acabei de comprar a revista Pequenas Empresas Grandes Negócios porque a matéria de capa me chamou a atenção: “Negócios com causa. A nova geração de empreendedores que lucra fazendo o bem”.

O que me chamou a atenção foi que uma das empresas em destaque é de educação online, algo que estamos tentando fazer com o Code Squad.

Mas ao ler o começo da reportagem fiquei um pouco indignado. Em uma das páginas consta o texto “Para eles o lucro é fazer o bem”, mas lendo com atenção percebe-se que todos os empreendedores da capa estudaram no MIT, Stanford, universidades francesas… Algo que não é para qualquer pessoa, pelo menos não qualquer pessoa sem um bom poder aquisitivo.

É muito fácil ser um filantropo quando você não precisa se preocupar com o fato de ter que pagar o aluguel no final do mês. É fácil trabalhar sem visar o lucro quando você tem um aporte financeiro herdado…Quero ver ouvir as críticas que ouço as vezes porque não conseguimos liberar de graça todos os conteúdos do Code Squad, apenas alguns cursos e aulas. É complicado conciliar a vontade de divulgar o máximo de conhecimento, ajudar a formar uma elite de programadores no Brasil com os custos de manter uma empresa nesse país.

Não tiro o mérito das pessoas perfiladas na reportagem, mas gostaria de ver exemplos de empreendedores que conseguem fazer isso sem ter todo esse suporte, todas essas chances.

Confesso que um dos meus sonhos como empreendedor é aparecer na capa de uma revista como essa, mas pelo visto não pertenço ao perfil editorial, pois não fiz MIT ou estudei em alguma outra universidade de grife.

P.S.: esse texto não representa a opinião de todos na Coderockr ou no Code Squad, apenas a minha opinião fecal sobre o assunto, escrita no calor do momento, sentado na sala de espera de um aeroporto esperando para ir palestrar em mais um evento de software livre.