Esse post é uma resposta a proposta do Duodraco, um “meme” onde as pessoas colocam sete ítens que usam em seu ambiente de trabalho e indicam mais pessoas para continuar a brincadeira.

1. MacOSX: na minha opinião é o SO perfeito para desenvolvimento. Eu usei Linux como desktop por mais de 8 anos (e continuo usando nos servidores) mas o MacOSX tem tudo que eu preciso: uma plataforma Unix e uma interface gráfica produtiva e bonita. Me tornei realmente muito produtivo no Mac. As teclas de atalho, o multi-touch, as ferramentas do sistema, etc. Nele consigo programar muito bem em PHP, Python, Java (eca) e Objective C (estou aprendendo ainda)

2. Textmate: nunca fui muito fã de IDEs complexas e monstruosas como o Eclipse. O Textmate é um editor de programação muito bom. Possui suporte a todas as linguagens de programação que uso, automação de comandos, teclas de atalho programáveis, etc. Você também pode extendê-lo com bundles para, por exemplo, executar um script Python direto de dentro dele. É muito rápido e fácil de usar.

3. Cornerstone: eu ainda não tive a necessidade de usar um controle de versões distribuído como o Git, então o SVN é a minha escolha para a tarefa. O Cornerstone é um cliente SVN para o Mac muito bem feito e útil.

4. Terminal: Ok. Confesso. Eu sou “old school” (modo bonito de dizer que estou ficando velho). Apesar de todas as ferramentas gráficas e utilidades do Mac eu ainda me sinto mais confortável usando o bom e velho terminal. Vivo fazendo pequenos scripts em shell para automatizar as minhas tarefas diárias, mesmo as que poderia tranquilamente fazer usando o mouse e alguma interface cool do Mac

5. Things : Sou totalmente dependente dele. O Things é uma ferramenta para gerenciar meus projetos e suas listas de tarefas. Divido em listas com prioridades, uso tags, faço anotações, etc. Ele possui um aplicativo para o iPhone, que sincroniza com a versão desktop. Então estou sempre com as tarefas sincronizadas, para saber o que preciso fazer em seguida (assim que publicar esse post vou correndo lá dar OK na tarefa que eu adicionei para me lembrar de fazer isso)

6. Navegadores: Impossível viver sem esses benditos (e as vezes malditos) pedaços de código. Como programo bastante para a Internet preciso ter vários deles instalados. Hoje, no meu dock do Mac vejo o Safari, o Firefox e o Chrome. Mas tenho o Opera instalado e o IE no VirtualBox. Realmente não consigo dizer qual é meu favorito, pois estou sempre com dois ou três deles abertos ao mesmo tempo. Mas posso dizer que adoro o Firebug do Firefox, a velocidade do Chrome e a beleza do Safari

7. iTunes: Eu não consigo viver sem música. Isso deve ter alguma explicação científica, mas de qualquer forma já me disseram que eu vou ser enterrado com os fones de ouvido. Trabalhar com música é muito mais produtivo para mim. Centralizo tudo no iTunes e sincronizo com o Last.fm, assim tenho um histórico de tudo que eu ouço, o que é divertido (e perigoso as vezes. Vai que tem um Bon Jovi escondido em algum lugar da biblioteca e eu não sei? Aliás, vou procurar hehe)

Seguindo a brincadeira, vou indicar mais três malucos para escreverem seus ambientes: Xorna Alganet Guilherme Uelski