Encontrei este post em um dos Planets que leio diariamente.

Realmente é necessário pensar nisso, principalmente eu que sou professor universitário. Concordo com vários dos argumentos e sempre tento “pensar fora da caixinha” na hora de ministrar as aulas. Sempre tento mostrar outras linguagens (principalmente Python e PHP), outras abordagens e manter o assunto atualizado. Se estou fazendo certo só o tempo vai dizer…